sábado, 16 de abril de 2011


Tem sempre aquela dorzinha aguda no peito, aquela saudadezinha filha da mãe gritando no ouvido a falta que ele faz.




Tati Bernardi

3 comentários:

  1. Dolorido e ao mesmo tempo fofo *-* rs
    Bela postagem, boa noite flor!

    ResponderExcluir
  2. ain eu amo seu blog, sao dos poucos q sigo de verdade *-* entrandi diariamente K parabens :D

    ResponderExcluir